O sistema de ensino Pós COVID 19

Autor Jacson Tessaro

Segundo o educador brasileiro Paulo Freire, atualmente o ensino é tratado como algo mecânico com uma visão objetiva onde os professores devem inserir o conhecimento diretamente na mente dos alunos como informações diretas.

Este é o centro da aprendizagem mecanicista do ensino que vem por décadas sendo aplicada. Com o advento da Pandemia Mundial do COVID 19 as instituições de ensino acentuaram esta mecânica do ensino como resposta de um fato importante. Com o desafio de romper a barreira horizontal de contato (imposta pelo isolamento social que foi a medida mais utilizada no mundo para conter a pandemia), as instituições de ensino adotaram de forma urgente o ensino através da verticalidade utilizando ambientes virtuais totalmente dominados por algoritmos que enrijecem os métodos aprendizado. Entretanto devemos perguntar se o ensino hoje tem que ser uma interpretação de um sistema que se concentra em acumulo de conhecimento especializado em alguma área especifica do conhecimento, como por exemplo, as ciências humanas, exatas, da saúde ou sociais aplicadas, ou se é necessária uma visão focada em cultivar todo o ser integral, incentivando o livre pensar e a auto-suficiência. É verdade que no início do ensino, o conhecimento era orgânico e livre, prevalecendo inclusive o processo de auto-descoberta e o desenvolvimento do ser humano integralmente e que um híbrido do antigo sistema de aprendizagem com o atual é o ponto chave para um desenvolvimento inteiro na educação e também um grande desafio.


Sobre o autor: Jacson Paulo Tessaro

Arquiteto e Urbanista e Engenheiro de Segurança do Trabalho, Especialista em Arquitetura e Design de Interiores, Engenharia de Segurança do Trabalho e Professor Universitário. Membro da equipe de elaboração e execução do primeiro plano de mobilidade urbana do Brasil, planmob PUCPR, elaborado para a Pontifícia Universidade Católica do Paraná. Diretor Nacional de Valorização Profissional do Instituto Brasileiro de Avaliações e Perícias de Engenharia entidade nacional, Membro do Comitê de Organização do XIX Congresso Brasileiro de Engenharia de Avaliações e Perícias e Coordenador de Administração e Logística do XX Congresso Brasileiro de Engenharia de Avaliações e Perícias.. Arquiteto responsável pelo restauro do conjunto arquitetônico de Interesse de Preservação e de Patrimônio do Santuário Nossa Senhora do Guadalupe - Curitiba. *Pesquisa e extensão: Projeto de Iniciação Científica (PIBIC-PUCPR) na área de análise de sistemas de monitoramento e controle social. Projeto "Guia Muito Especial de Turismo Acessível - vol1. Cidades sede da Copa 2014", análise, relatório e auxílio na elaboração do Guia de acessibilidade para as cidades da Copa 2014. Palestrante do I Seminário Sul Brasileiro de Avaliações e Perícias de Engenharia, do XIX Congresso Brasileiro de Engenharia de Avaliações e Perícias e do X Encontro Nacional CONIMA de Mediação e Arbitragem.

4 vistas

ORGANIZAÇÃO DAS AMÉRICAS PARA A EXCELÊNCIA EDUCATIVA (ODAEE)

WhatsApp

+49 178 363 6732

  • Aportes de Paz
  • ODAEE
¿Preguntas? Envie su mensaje aquí o escribenos vía WhatsApp

© 2020 - 2030 ODAEE